Abomináveis - Inversão de Valores

CD

Abomináveis é o novo projeto do rapper Expectro que conta com a união de seus parceiros Diego Soares, Vigilante, Brotagorimas e Tuísca.

BAIXAR

Diego Soares

De tempos em tempos escrevo
Eu falo tudo, a vergonha estampada na face do mundo
Tudo q eu digo até parece não fazer sentido
Reflita comigo por favor, olhe o horror
Que acontecem nas cidades, na sua própria casa
Percebera q as inversões de valores não são meras palavras
O amor pelos animais supera o amor ao homem
Desconstruindo padrões…
Se vc digita amém!
Não vale nada, se pensar q ajuda curtindo uma foto
Compartilhando falácias
Não me venha com esse mesmo discurso:
“Vc é hetero, machista, um lixo de ser humano inútil!”

Refrão: Tuísca

Abominável mundo vai descendo
Aos poucos se afundando, nós tá vendo
Plantando o velho pecado, veneno
Colhendo a destruição…
A Babilônia cresce e vai fervendo
A humanidade falha e vai perdendo
Plantando o velho pecado, veneno
Colhendo a destruição…

Expectro
Suas ações se tornaram descartáveis
Eles são traiçoeiros e detestáveis
Preso a correntes em seus lares
Escravizados entre grifes e os bares
Todo sonho foi pelos ares
Muita sede, muita fome, poucos mares
Ce perdeu seus anéis e colares
Valsas são dançadas sem seus pares
Dentro de universos imagináveis
Criaturas santas, criadores vulgares
Nos santuários seres nada amáveis
Corpo mente, alma mente, abomináveis…

Refrão Tuísca

Vigilante
Abominável, sendo diferente, vagando tipo um bicho solto
Vários fatos q me motivou a ser um monstro cabuloso
Expresso o lado negativo, perigo a sociedade
Com as armas forjadas no fogo da pura maldade
Pessoas diabólicas q semeiam o ódio na Terra
Aliadas a morte, o câncer na atmosfera
Apocalipse (haha), já acontece
Então ore, se proteja, faça sua prece
Nunca é tarde pra mudança, mas a esperança está difícil
Toda malícia e falsidade, na cara-dura é visível
É incrível…a humanidade vai se destruir
Pra alma perturbada, corpo doente, o inferno é aqui!

Brotagorimas
Abominável em altos padrões influentes
Mídia ela mente, propaga as doenças a gente
Te aprisiona no sofá com algemas e corrente
Te injeta um chip, faz vc de experimento
Se entrar pela aquela porta, tomará veneno
Líquido q não é sagrado, mas aniquilará tua vida pra 100pre
Nascemos, morreremos, da morte não escaparemos
Até no mausoleu já levará os teus ossos o terreno
O olho te observa, Babilônia vai fervendo
Afros, latinos em meio vícios extremos
Sem máscara de gás aos poucos vão se derretendo
Não se sente culpado por sua destruição….

Faça seu comentário :)

comments

Recommend to friends
  • gplus
  • pinterest